Segundo dia na Provence: Pont du Gard – Fontaine de Vaucluse – Roussillon

Acordamos bem cedinho pra saborear com calma nosso café da manhã  com vista para piscina, eita vida difícil, viu?!Após muitos sucos de maça e croissants de chocolate, resolvemos mudar um pouco nossos planos iniciais e começar nosso dia indo para a Pont du Gard, um incrível aqueduto romano construído no século I a.C.

Saimos de Aix en Provence rumo a Route du Pont du Gard com nosso GPS nos guiando por belas paisagens…lá nós não nos preocupamos com o tempo, lá nós só vemos o tempo passar… foram quase duas horas de viagem e chegamos ao nosso destino. A infra estrutura do local é impressionante com direito a cinema, museu, restaurantes, lojinhas e sorveterias que são extremamente essenciais no verão!!!

Lá nós pagamos somente o estacionamento por cerca de 10 euros válido durante o dia todo. As famílias levam seus filhos para andar de bicicleta e para nadar no rio Gard com suas águas transparentes e geladas!!! Claro que eu tive que molhar meus pézinhos…hehehe.

A ponte é impressionante, gigantesca, intacta…uma obra de arte!!!

O rio Gard tem águas cristalinas e no verão é garantia certa de diversão!!! Pra descer até a pequena margem é necessário se aventurar por pequenas trilhas…eu resolvi descer sentada, melhor que cair de cara, né?! Ou você pode atravessar pela água, nadando com tudo…Como só queria molhar meus pés e chegar bem pertinho do rio, valeu a pena!!!

As famílias aproveitam pra passar o dia seja tomando sol nas pequenas margens do rio observando seus filhos se divertirem ou se aventurando andando de caiaque… Digo aventura, porque minha maior aventura nessa última viagem foi andar de pedalinho em Gorges du Verdon e subir na roda-gigante do lado do Louvre, como poderão ver mais pra frente…hehehehe!

Praia de pedrinhas na margem do rio Gard

E o pessoal se diverte pra valer…tinha até um Bernese Mountain Dog nadando no rio…

Margem esquerda do rio Gard

Depois que desci sentada com tripé e máquina fotográfica pra molhar meus pézinhos, eu tinha que subir…Com a ajuda do maridão tudo ficou mis fácil, o difícil mesmo foi se despedir desse lugar incrível…aproveitamos toda a infra-estrutura que o local oferecia e aproveitamos pra almoçar…na sombra tão merecida e esperada!!! Após alguns crepes e algumas bolas de sorvete, estávamos preparados para partir.

Au revoir Pont du Gard...

Nossa próxima parada seria Fontaine de Vaucluse mas Avignon ficava no meio do caminho…seria praticamente um pecado não passar por lá…e foi o que fizemos, só passamos mesmo!!! Chegamos a entrar na cidade toda murada de carro, demos algumas voltas e pra nossa surpresa, a cidade estava em festa…repleta de cartazes de peças de teatro, música ao vivo nas praças, alguns atores carregavam nas costas o seu próprio merchandising ( adorei a idéia!!!) como poderão ver na foto a seguir:

Ator promovendo sua peça nas ruas de Avignon

Por todo lado que se olhava só se via cartazes e mais cartazes pendurados…como atriz frustrada, adoro essas coisas!!!

E o mais divertido era ver tudo isso acontecendo e os locais vivendo sua vida…carregando baguettes, tomando sorvete perto de uma fonte…

Praça dentro dos muros da cidade.

Chegamos a estacionar o carro para ver a Ponte Saint Benezet que é belíssima e está pela metade…essa ponte foi edificada no século 12 e foi quase destruída várias vezes pelas cheias do Rio Rhône. Tínhamos que pagar para atravessá-la e como o tempo estava passando e nosso foco era outro, pegamos nosso carro e fomos em direção a Fontaine de Vaucluse. Como não ficamos na cidade, teremos que voltar um dia pra sentar na praça e conhecer o famoso Palais des Papes.

Foram quase 50 km para chegarmos ao nosso próximo destino. E como valeu a pena!!! Nessa pequena vila encantadora nasce o rio Sorgue que com suas águas verdes e cristalinas atravessam a cidade que é repleta de lojinhas de artesanato local, tudo isso embalado pelo som das cigarras.

Chegando ao centro da vila...observem a cor da água!!!

Assim como adoro carrosséis, fontes, praças…também adoro rodas d’água…encontrei duas aqui na vila e uma delas é uma atração por si só, onde você pode observar todo seu mecanismo, muito interessante!!!

Roda d'água no centro da vila.

Continuamos subindo seguindo as margens do rio embalados pelo barulho de suas águas, até que avistamos uma enorme falésia branca com mais de 200 metros…lá está localizada a fonte dessas águas incrivelmente transparentes!

Apesar de estar claro, nossa tarde já estava acabando…após toda a tranquilidade que encontramos nessa vila, decidimos seguir rumo a Roussillon…foram mais 25 km até chegarmos a esse vilarejo único.

Roussillon é um vilarejo assentado sobre falésias de ocre ( que podem ser visitadas, como chegamos tarde, não conseguimos, humpf!). As tonalidades das casas variam do amarelo até o vermelho com direito a janelas púrpuras ou verdes. É um espetáculo visual!!!

Entrando no vilarejo ao entardecer.

Como chegamos com o pôr do sol, ou seja, cerca de 20:00 p.m, tudo parecia deserto. Enquanto o marido se entendia com a máquina de pagar o estacionamento, vimos um senhor saindo de sua casa carregando um saco de lixo, só isso. Caminhamos por várias vielas, sem nos depararmos com ninguém.

Marido pagando o estacionamento na cidade fantasma.

Nossa esperança era chegarmos ao centro, assim poderíamos ter uma visão melhor do vilarejo e claro, jantarmos!!! Yumi Yumi!!!

Subimos, descemos, subimos de novo até que encontramos o centro…e era lá que nós e mais alguns poucos turistas que restavam estavam…

Ao fundo, conseguimos avistar uma falésia de ocre...

Os turistas que estavam jantando nos bistrots estavam animados…as crianças brincavam de pega-pega na praça…e o cheiro da culinária provençal estava nos invadindo…tiramos mais algumas fotos e nos jogamos no bistrot mais próximo. E lá fizemos nossa melhor refeição…nunca vou esquecer da simpatia do dono ensinando meu marido a pedir a conta em francês e dizendo como é importante não mudar nenhum acompanhamento dos pratos!!! E o cheiro e o sabor daqueles pratos…ai meu Deusssss!!! Acabei optando por uma massa com molho de tomates com muito azeite e manjerona…meus pais não resistiram a carne de porco e meu marido optou por atum com ervas da provença! Ai ai..

E foi assim que terminamos nosso segundo dia na Provence…enquanto jantávamos o sol se despediu e a vila continuava encantadora…ai que saudade!!!

Despedida de Roussillon

 

Anúncios

~ por Adriana em 23/02/2010.

11 Respostas to “Segundo dia na Provence: Pont du Gard – Fontaine de Vaucluse – Roussillon”

  1. Isso sim é que é informação. Simplemente fantástico, obrigada por compartilhar.

    • Olá Dorinha, fico muito feliz por ter gostado e achado útil! A idéia inicial é essa, já que precisei pentelhar muita gente pra obter maiores informações….hehehehe

  2. Adriana, imagino como Roussillon em cima de falésias deva ser linda. E este bistrot, nham me abriu o apetite.

  3. Estou saindo em viagem para França, gostei muito do teu roteiro, na volta faço meus comentários.Abraços Marcelo

  4. Adriana,

    Ótimo o seu post. Detalhado e cheio de emoções. Parabéns.

    Nesse exato momento estou realizando um levantamento de informações sobre a Provence e acabei encontrando o seu Blog. Como fotógrafo amador e aficionado pela França estou contando os dias para cair de boca – literalmente – na terra de Cézanne.

    O meu grande problema, tanto na Provence como na Côte d’Azur, é escolher as cidades a serem visitadas dentro de um período de 7 dias cada. Quanto a Provence o que vc visitou, o que deixou de visitar e que poderia nos sugerir? Como partidário do “Slow trip” gostaria de saber qto tempo vc gastou para cada cidade?
    Um grande abraço e obrigado.
    João

    • Olá Joao, td bem?! Desculpe a demora, mas ando trabalhando muito!
      Mas vamos lá! Nao mudaria nadinha do meu roteiro inicial pela Provence, ou seja, vilarejos que devem ser vistos:
      Gordes, Aix, Fontaine du Vaucluse, Rousillon, Le Baux, Gorges du Verdon e Mostiers Ste Marie, Valensole!
      Somente gostaria de ter mais tempo pra conhecer melhor o vilarejo de Mostiers de Ste Marie que fica na Gorges du Verdon, o caminho mais longo entre todas as demais!
      Estive na Cote D’Azur…e olha, o que posso dizer…prefiro a Provença original, sem sombra de duvida!
      Mas se puder, conheça pequenos vilarejos como Peillon e Vence, inesquecíveis! Nice é uma gracinha também, especialmente o centro antigo! Amamos Cassis também, lindo demais!
      Aproveite muito e boa viagem!
      Qualquer dúvida, estou por aqui!
      Adriana.

  5. Adriana

    Mais uma informação. Nos diversos trajetos de carro vcs utilizaram as auto-estradas ou as departamentais como eles chamam? O carro de vcs era a gasolina ou diesel? Lembra mais ou menos o custo do combustível? Conhece algum site que disponibilize esse tipo de informação?

    Obrigado e um grande abraço.

    João

    • Oi Joao, fomos alternando entre estradas secundárias e estradas com maior velocidade, dependendo do nosso roteiro e da pressa de chegar logo ao destino!
      O carro que alugamos era diesel, mas não me lembro o custo…mas como os vilarejos sào bem próximos, em sua maioria, dá pra fazer td de maneira bem economica, garanto!
      Abraços,
      Adriana.

  6. ADRIANA,
    ESTOU ENCANTADA COM SUAS DESCRIÇÕES!
    ESTOU HÁ 6 MESES PREPARANDO NOSSA VIAGEM À PROVENCE, COM DIREITO À AULAS DE FRANCES E TUDO MAIS! RS!
    PARTIREMOS EU E MON MARI DIA 22 DE MAIO, FICAREMOS 8 DIAS PASSEANDO POR LÁ E ENTÃO 9 DIAS EM PARIS!
    AMEI LER SUAS PALAVRAS, VOCÊ PARECE SER COMO EU,MUITO CONTEMPLATIVA E EM SINTONIA COM A MARAVILHA DO SIMPLES VIVER!
    ABRAÇO CARINHOSO

    • Obrigada Katia!!!
      Fico muito feliz por saber de sua viagem e espero que fique tão apaixonada como eu por esse lugar tão maravilhoso!!!
      Depois dê uma passadinha por aqui e nos conte tudinho!!!
      beijinhos e Bon Voyage mon ami!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: